GoGenetic é primeira colocada da região Sul no Mulheres Inovadoras

Vânia Pankievicz trabalhando no laboratório da GoGenetic

A startup curitibana de biotecnologia vence o programa da FINEP na região Sul do país com solução para o agronegócio.

A GoGenetic foi a vencedora do Prêmio Mulheres Inovadoras, edição 2021, promovido pela FINEP. O programa selecionou 30 startups em todo Brasil, cujas empreendedoras participaram do programa de aceleração com conteúdos relacionados ao modelo de negócio, marketing e vendas. O processo teve a duração de dois meses. Na etapa final, as representantes apresentaram um pitch para a banca avaliadora, que escolheu duas startups por região para receber o prêmio de R$ 100 mil reais.

Confira o resultado neste link.

A solução propõe levar a precisão das análises genéticas para o processo produtivo de insumos biológicos para a agricultura brasileira. O agro mundial passa pela terceira revolução verde, que inclui tornar o plantio de alimentos mais sustentável para o planeta. Parte desse movimento caminha para a substituição dos produtos químicos pelos biológicos.

O que são produtos biológicos?

Os produtos biológicos são insumos à base de microrganismos, fungos ou bactérias, que podem agir como fertilizantes ou como defensores de pragas nas lavouras. Esses produtos agem de forma efetiva no plantio sem contaminar o solo e os alimentos.

O controle de qualidade de produtos biológicos

Os insumos biológicos exigem um processo produtivo cuidadoso, uma vez que se trata de organismos vivos que devem interagir com o solo e com as plantas. O controle de qualidade é determinante para a eficácia no desenvolvimento da safra. Saber se os fungos e bactérias estão em quantidade e qualidade adequada é fundamental para a garantia da ação do produto.

Cenário atual:

Empresas realizam o controle de qualidade de produtos biológicos por microbiologia clássica. O processo pode demorar de 1 a 10 dias, a depender dos microrganismos analisados. Produtos compostos por mais de um ativo biológico enfrentam dificuldades na utilização da técnica clássica.

Proposta de inovação:

Levar o RT PCR – mesma tecnologia que detecta a Covid-19 – para a produção de insumos biológicos para a agricultura.

A GoGenetic desenvolveu um Kit Molecular, para análise em RT PCR, que permite que a indústria faça a análise de forma rápida e precisa. O processo consiste na seleção das células viáveis, extração do DNA e a análise no aparelho. O resultado de quantificação de microrganismos viáveis direto dos produtos é obtido em menos de 4 horas.

O diferencial

O segredo está na técnica de seleção do DNA de células viáveis, exclusiva da GoGenetic, e na combinação de reagentes para microrganismos específicos. “Foram alguns anos de pesquisa para entender quais seriam os reagentes que dariam as respostas que procurávamos. Chegamos a um produto muito peculiar, que detecta apenas os microrganismos de interesse, e entrega duas informações importantes para o controle de qualidade: a identificação e a concentração desses ativos, o que substitui a contagem de colônias”, explica Vânia Pankievicz, fundadora e pesquisadora da GoGenetic, que representou a startup no programa.

A nova metodologia pretende elevar o patamar do controle de biológicos; é a revolução do analógico para o digital no setor. “Nós estamos impressionados com o avanço e com as descobertas de novos produtos biológicos no Brasil. Realmente esses insumos estão revolucionando e proporcionando a agricultura do futuro. Contudo, o controle de qualidade precisa acompanhar essa evolução, por isso acreditamos muito na biologia molecular nesse contexto”, argumenta Michelle Tadra, outra fundadora da empresa.